+55 (11) 3130 6975 | +55 (11) 95481 6647

Carreira

Networking na hora certa
24/08/2020

Networking na hora certa

Qual a melhor hora e forma de fazer networking?


Se você é um profissional com anos de experiência, já deve ter percebido que com a chegada da rede profissional Linkedin, a forma de fazer negócios e de se conectar com outras pessoas mudou, inclusiva, o termo “networking” virou uma forte tendência. Mas você sabe o que quer dizer “fazer networking” de verdade?


Fazer networking, no mundo dos negócios, já é um hábito bem estabelecido nos dias de hoje. Ele significa “construir e desenvolver relações profissionais com determinadas pessoas”, com o objetivo principal de trocar experiências, vivências e compartilhar opiniões sobre carreira, a fim de desenvolvê-la e aprimorá-la. Ou seja, é a estratégia de criar e nutrir uma verdadeira rede de contatos profissionais de alto valor.


A palavra “networking” começou a ser usada em 1990, mas foi após a disseminação da rede social profissional Linkedin, em 2002, que a prática desta estratégia se tornou popular no mundo dos negócios. 


Neste artigo vamos focar nos motivos para se fazer networking, além de explicarmos a melhor hora para realizá-lo, mas se você quiser obter uma visão mais abrangente sobre este tema, indicamos outros artigos aqui do nosso blog focados nisso, confira: 


Como criar uma rede de networking

Como fazer networking


O que não é networking?

Nós da driverh, temos percebido que os profissionais do mercado tem uma ideia errada sobre o que é o networking, e isso acontece devido a grande disseminação dessa ideia, que as vezes é passada de forma errada.


O networking não é uma prática ruim e muito menos algo falso ou vazio, muito pelo contrário, esta prática traz benefícios gigantescos para o profissional que realmente investe seu tempo nesta estratégia.


Existem profissionais que podem ter passado por situações desagradáveis, como quando foram procurados apenas para indicarem alguém de sua rede de contatos à alguma vaga, mas sem nem antes conhecer de verdade o profissional que solicitou. Essa prática realmente banaliza o sentido do networking, desencorajando alguns profissionais de fazê-lo por acharem que a prática se resume somente a essa troca de interesses vagos. 


Criar e cultivar uma rede de networking vai além de apenas trocas de interesse. O intuito maior é o crescimento da pessoa como profissional e o desenvolvimento de sua carreira, através de conhecimento adquirido pelas experiências de outras pessoas, que são compartilhados de forma natural, espontânea e verdadeira. 


Por isso, não se engane: o networking não é apenas uma ponte para pedir vagas e indicações. Na verdade, a prática é um meio mais rico de criar relacionamentos que geram valor verdadeiro às pessoas.


Quem são as pessoas que você deve investir?

Na nossa juventude, na época de escola principalmente, o hábito natural era se aproximar de pessoas que tinham coisas em comum conosco, como hobbies, estilo musical, talentos artísticos, esportes, entre outros.  Esta prática pode ter gerado bons amigos que duram até nos dias de hoje, mas sem dúvidas, no ambiente profissional, usar esta estratégia para se aproximar de outros profissionais não é a melhor opção.


Isso porque, quando éramos jovens, ainda estávamos entendendo as melhores formas de nos relacionarmos com as pessoas, e naquela época, a aproximação por afinidade era a mais fácil. Já nos dias de hoje, temos que sair da nossa zona de conforto e estar abertos a ter relacionamentos profissionais com todos os perfis de pessoas, por mais diferentes que elas sejam do nosso próprio perfil. 


Ao iniciar sua estratégia de networking, não pense somente naquelas pessoas que você mais gosta de conversar no escritório ou então aquele grupo que tem um hobbie em comum com você: risque de uma vez esta estratégia para seu networking. 


Você deve procurar se relacionar com as pessoas que tem credibilidade no mercado - pois são essas as pessoas que farão a diferença em sua carreira. Nem sempre o profissional mais popular e sociável, é o profissional que poderá fazer a diferença em sua carreira… pense dessa forma: Na hora que um gestor precisa de uma indicação para uma vaga, ele procura quem para perguntar sobre a indicação? os que são apenas populares ou os profissionais que têm credibilidade dentro de sua equipe? A grande realidade é que os que têm credibilidade tem real poder de influência. 


Esse deve ser o seu critério para escolher que tipo de amizade você deve alimentar e investir para o sucesso de sua carreira.


Reflita e pense na resposta destas perguntas: 

  1. Em seu escritório, quem é o profissional que sempre é ouvido, respeitado e que tem credibilidade? 
  2. Qual dos colegas da empresa sempre bate as metas e apresenta resultados positivos todos os meses? 
  3. Qual deles tem grandes experiências e responsabilidades profissionais? 
  4. Qual deles pode te oferecer grandes lições de vida e de negócios? 

 

E então, alguns nomes surgiram na sua cabeça? Pois bem, nós indicamos que sua rede de networking comece por estar pessoas. 


Atente-se: quando dizemos para você fazer networking com elas, não estamos dizendo APENAS para adicioná-las como conexões na sua rede do Linkedin. A ideia aqui é traçar um perfil de profissional que pode agregar muito para seu próprio plano de carreira. Por isso, pense neste tipo de profissional, faça escolhas construtivas e invista tempo nesta relação. 


Como desenvolver um relacionamento profissional de valor com sua rede de contatos

Para criar real valor neste relacionamento, dedique um tempo à esta pessoa: se for alguém do seu trabalho, chame-a para um almoço e converse de forma natural.  Ouça o que a pessoa tem a dizer, absorva suas experiências e histórias de forma espontânea e compartilhe também suas próprias vivências, focando sempre na sua autenticidade. Deixe que este evento vire um hábito: que tal repetir este almoço uma vez por semana? 


Não tenha medo de se conectar com as pessoas, de se sentir vulneável: chame para cafés virtuais e videoconferências, convide-as para eventos e compartilhem momentos de valor juntos. 


Aproveitamos para indicar este artigo da driverh que foca exatamente em como fazer networking em eventos. Vale a leitura!


Como fazer networking em eventos


Qual a melhor hora para fazer networking

Já explicamos o que é e o que não é networking e quem são as melhores pessoas para começar a criar sua rede, mas então, finalmente: qual a melhor hora para fazer networking?


Citamos alguns exemplos durante o artigo sobre se conectar com pessoas do seu próprio escritório. Sabe porque citamos este tipo de exemplo? Porque a melhor hora para se fazer networking é quando você não está precisando de um emprego.


Em nossos tempo de experiência como consultoria de recolocação profissional, notamos que profissionais tem aversão por fazer networking por acharem que esta estratégia é apenas interesse, principalmente por indicações e possíveis oportunidades, e eles pensam assim pois não deram valor às pessoas que estavam à sua volta enquanto estavam empregados… agora se sentem constrangidos de contactá-las! 


Entretanto, a melhor hora para desenvolver seu relacionamento com outros profissionais é exatamente quando você não está em busca de recolocação profissional, pois desta forma poderá cultivar sua rede de contatos de maneira muito mais espontânea e sem esperar nada em troca além de mais experiência. 


Por isso, inicie o quanto antes sua rede de contatos e foque em profissionais excepcionais. Você não precisa necessariamente se conectar com pessoas populares da sua rede ou então somente com as pessoas mais extrovertidas do seu escritório: na verdade, a sua análise precisa ser o mais profissional possível neste momento, independentemente de como é o perfil comunicativo da pessoa. Busque por perfis complementares ao seu, por pessoas que poderão agregar valor à sua história profissional e que poderão repassar lições importantes para sua carreira. 


Assim, quando você e esses profissionais da sua rede de networking crescerem no mercado de trabalho e evoluírem em suas carreiras, ambos terão relacionamentos profissionais extremamente saudáveis, e se um precisar do outro no futuro, a confiança entre eles estará reforçada e trabalhada, e isso sim garante uma verdadeira parceria profissional, e ocasionalmente pode até mesmo vir indicações espontâneas à oportunidades (o que é muito mais valioso) e maior visibilidade nos negócios. 


Siga as dicas e comece hoje mesmo a desenvolver sua rede de contatos, mas não se esqueça: agregue o máximo de valor possível para os seus contatos e colegas de trabalho.


Como está sua rede de networking? Você já sabe como aumentar sua visibilidade no Linkedin? Se você está em busca de recolocação profissional, saiba que trabalhar nestes dois pontos é essencial para o desenvolvimento da sua carreira e o alcance do sucesso na sua vida profissional. 


Conte com os serviços da driverh, podemos auxiliar em todas as etapas da sua recolocação profissional. Serviços como preparação para entrevistas e a nossa consultoria completa para recolocação profissional já ajudaram diversos profissionais do mercado. Confira nossa página de depoimentos e converse conosco, nossa equipe está pronta para atender você: contato@driverh.com.br, (11) 3130 6975 ou (11) 9.54816647.

Compartilhar:

Últimos artigos

Recolocação Profissional

Recolocação Profissional de Gerentes

Recolocação Profissional

Como contratar os serviços de Jobhunter

Outplacement

O que é Outplacement?

Recolocação Profissional

Modelo de carta de apresentação

Recolocação Profissional

6 erros fatais que reprovam nas entrevistas

Recolocação Profissional

Dicas para entrevista de gestor

Recolocação Profissional

Qual é o seu ponto forte? Como responder

Recolocação Profissional

Como funciona a Recolocação Profissional

Recolocação Profissional

Como ser aprovado na entrevista final

Recolocação Profissional

Como criar uma rede de networking

Recolocação Profissional

Como usar o Linkedin para procurar emprego

Recolocação Profissional

Dicas para um currículo perfeito

Recolocação Profissional

Os melhores sites de vagas de emprego

Recolocação Profissional

Como funciona um processo seletivo

Recolocação Profissional

Como procurar emprego da forma correta

Recolocação Profissional

Vagas confidenciais: como funcionam?

Recolocação Profissional

Fiquei desempregado, e agora?

Recolocação Profissional

Como ser encontrado por headhunters